Social Icons

sexta-feira, 28 de fevereiro de 2014

Goleiro Bruno vai sair do presídio para jogar segundona do futebol mineiro

Bruno, treino Flamengo (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
Bruno, pode voltar a jogar. (Foto: Alexandre Durão / Globoesporte.com)
O goleiro Bruno, ainda dentro da prisão, vai assinar um contrato de cinco anos com o Montes Claros FC, equipe que disputa o Módulo II do Campeonato Mineiro. Na manhã desta sexta-feira, 28, os advogados de Bruno vão levar o contrato para ser assinado na Penitenciária Nelson Hungria, em Contagem, Região Metropolitana de Belo Horizonte, onde Bruno está preso desde julho de 2010. Ele foi condenado a 22 anos e três meses de reclusão pelo desaparecimento e assassinato da sua ex-amante Eliza Samudio.
A assinatura do contrato por Bruno foi confirmada na noite desta quinta-feira ,27, pelo presidente do Montes Claros, Vile Mocellin. Ele disse que  objetivo do clube é inscrever o goleiro na Federação Mineira de Futebol (FM) ainda nesta sexta-feira, pois, no mesmo dia, termina o prazo para a inscrição de atletas para a segunda fase do Campeonato Mineiro do Módulo II. Atualmente, o  Montes Claros é o líder da chave B do Módulo II (que equivale à segunda divisão) e já garantiu a classificação para o Hexagonal final da competição. Porém, Bruno somente poderá retornar aos gramados após a liberação da Justiça, que também terá que autorizar a sua transferência para o Presídio Regional de Montes Claros, para que ele possa atuar pelo “Bicho”.
Ville Mocellin (Foto: Leonardo Maciel)
Vile Mocellin,presidente do Montes Claros (Foto: Leonardo Maciel)
Segundo Vile Mocellin, a intenção do clube é contribuir com a recuperação “da pessoa humana” de Bruno. Ele afirmou que ainda não sabe quando o goleiro poderá atuar pela equipe. “Vai depender das próprias condições físicas e técnicas dele”.
Por outro lado, o presidente do Montes Claros informou que um médico vai acompanhar os advogados na visita à Penitenciária Nelson Hungria, para a avaliação física do jogador. Ele  revelou que o contrato a ser assinado com o goleiro terá vigência de cinco anos, inicialmente, com salário fixado em R$1.430,00 mensais e uma multa rescisória de R$ 2,86 milhões.
O pedido de transferência de Bruno para o Presídio de Montes Claros foi apresentado pela defesa dele à Vara de Execuções Criminais de Contagem, no final de janeiro. A transferência depende ainda de decisão do juiz da Vara de Execuções Criminais de Montes Claros, Francisco Lacerda de Figueiredo. G1

Vereadores querem CPI contra prefeita Grisoste Barbosa

Por Josemar Campos/Da Redação em Sapezal
Ilma Grisoste Barbosa (PSD)

Entrou, na terceira sessão ordinária de 2014, da Câmara Municipal de Sapezal, o requerimento proposto pelo vereador e presidente do Legislativo sapezalense, Valmir Fontanelli (PPS), solicitando a criação da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) para a investigação de possível irregularidade na locação, pagamentos, reforma e compra através de decreto, de um imóvel para o funcionamento da Secretaria de Educação do município, feita pela prefeita de Sapezal, Ilma Grisoste Barbosa (PSD).
Nesta segunda-feria (24), a Casa de Leis estava lotada para ouvir dos parlamentares quais eram as possíveis irregularidades e também quem eram os vereadores que tinham assinado este requerimento. Desde o dia da elaboração do documento, o vereador Valmir Fontanelli convidou sete vereadores para assinar junto com ele a criação da CPI, baseando-se nas informações por ele obtidas; apenas a vereadora Maria Carolina não foi consultada, conforme Valmir.
O Legislativo sapezalense é composto por nove vereadores e, juntamente com o presidente Valmir, os vereadores Edemilson de Paula (PROS) e o vereador Franço Helber (Solidariedade), assinaram o requerimento. Os demais não demonstraram interesse, mas as três assinaturas eram o suficiente para entrar com a criação da CPI.
Segundo o vereador Valmir Fontanelli, são muitos os indícios de irregularidades que precisam ser apurados e, por isso, ele solicitou a investigação através de uma CPI, pois a prefeita de Sapezal publicou um decreto de compra, no dia 23 de dezembro de 2013, e, simplesmente, ficou por isso mesmo; não comunicou à Câmara de Vereadores sobre o procedimento, fato que causou estranheza nos vereadores.
Fontenelli salienta que, mesmo em período de recesso, havia uma comissão provisória instalada trabalhando e a Câmara estava de portas abertas, atendendo normalmente para receber qualquer comunicação do Executivo Municipal.
LOCAÇÃO 1 – O imóvel foi locado em março e a duração do contrato foi até dezembro de 2013, mas, segundo o vereador, foram pagos 12 meses de aluguel, num valor de R$ 4.400 mensais, inclusive pagamentos retroativos de janeiro e fevereiro, totalizando R$ 52.800, mesmo o prédio tendo ficado fechado e não sendo utilizado por mais de seis meses.
REFORMA – A Prefeitura também realizou a reforma do imóvel por ela locado em 2013, conforme consta no contrato celebrado com a empresa construtora de mais de R$ 130 mil e, após, também houve um aditivo de mais de R$ 62 mil, totalizando um valor gasto em reforma no prédio locado de mais de R$ 192 mil, para o funcionamento da Secretaria de Educação do município de Sapezal.LOCAÇÃO 2 – A Secretaria de Educação funcionava em outro prédio e continuou funcionando no local antigo até a data da sua mudança, mas este imóvel também era locado e foi pago o aluguel do imóvel durante o seu funcionamento em 2013, o que caracterizou o pagamento de aluguel de dois imóveis durante o mesmo período para a mesma finalidade, abrigar a Secretaria de Educação do município.
DECRETO – O vereador Valmir Fontanelli quer esclarecimentos também sobre o decreto de compra através de desapropriação, pois o prédio é antigo e lá funcionava uma empresa de comercialização e estocagem de defensivos, não sendo próprio para esta finalidade (Secretaria de Educação), além de necessitar de avaliações para saber se o imóvel vale o preço por ela decretado, de R$ 1.470 milhão, pois o município não tem em suas Leis orçamentárias, LDO e LOA de 2013 e, também de 2014, a dotação específica de aquisição e reforma de imóvel para o funcionamento da Secretaria de Educação.
Após um remanejamento de orçamento feito no final do ano, a prefeita pagou, em 2013, o valor de R$ 700 mil e ficou para o dia 28 de junho de 2014 o pagamento de R$ 577.572,73, que não constam na LDO aprovada para este ano. No decreto, consta que os valores gastos com a reforma na época da locação (R$ 192.427,67) seriam descontados do valor total do imóvel.
Para o vereador Valmir Fontanelli, a atitude da prefeita em decretar a desapropriação no final do ano, foi para tentar esconder o que foi gasto com locação e reforma sem consultar a Câmara de Vereadores e driblar qualquer possível indício de irregularidade na destinação do dinheiro público, “mas os vereadores, atentos em 2013, viram a tempo as possíveis irregularidades e, agora, a CPI foi requisitada para apuração dos fatos”.
COMPOSIÇÃO – Na sessão, os vereadores que compõem a maior bancada na Câmara, o PROS e o PSDB – com dois vereadores cada -, podiam indicar um representante por partido para compor a comissão da CPI. O outro membro é definido por sorteio entre os demais vereadores, mas todos tinham a possibilidade de indicar o seu representante em até 48 horas da instauração da CPI, e todos os vereadores pediram este prazo ao presidente da Câmara. Publicado por O Jornal

quarta-feira, 26 de fevereiro de 2014

Senador Pedro Taques diz que segurança pública é vergonhosa em MT


Da Redação

O senador Pedro Taques (PDT-MT) voltou a abordar na tribuna do Senado a questão da crescente onda de violência em Mato Grosso que trouxe como um dos reflexos mais recentes a morte de uma estudante e um policial, em Cuiabá. Ao prestar solidariedade às famílias das vítimas de homicídio, o parlamentar aproveitou para cobrar, novamente, do governo estadual uma política de segurança consistente que leve em conta investimentos e, acima de tudo, planejamento.

“Minha solidariedade às famílias dos policiais militares de MT que ‘tombaram’ no exercício de suas funções, nos últimos dias: Danilo César Fernandes, Claudemir Gasparetto e Jeferson de Souza Wilker. Quando um servidor público morre no exercício da função, parte do Estado também morre. Também quero prestar minha solidariedade aos familiares da jovem Karina Fernandes Gomes, morta ontem durante uma tentativa de assalto em Cuiabá. A segurança pública em Mato Grosso é vergonhosa”, afirmou o senador.

Pedro Taques lembrou que os problemas no Estado começam com o baixo efetivo e ausência de política de valorização dos profissionais. Ele observa que Mato Grosso ocupa o 13º lugar no ranking brasileiro sobre homicídios e tem um déficit de 60% no efetivo das Polícias Civil e Militar.

“Nós temos 6,8 mil policiais militares. Alguns levantamentos mostram que o número de policiais militares hoje no nosso Estado é mais ou menos o mesmo número daquele momento histórico em que o senhor foi Governador, de 1990 a 1994. Há vinte anos, era o mesmo número de policiais, e a população do Estado de Mato Grosso, em dez anos, cresceu 27%. Imagine em 20 anos!”, afirmou Pedro Taques, em aparte ao senador Jayme Campos que também tratava do assunto em Plenário.

Debate – Sob relatoria do senador Pedro Taques, a comissão criada no Senado para analisar projetos de lei que tratam de segurança pública terá mais 90 dias para a conclusão dos trabalhos.

Com a prorrogação, que estende o prazo até 10 de maio, novas audiências públicas serão realizadas para esclarecer pontos específicos. Os membros do colegiado buscam apoio do governo, do Ministério da Justiça e dos órgãos de segurança para a formulação de um novo Plano Nacional de Segurança Pública. Assessoria

segunda-feira, 24 de fevereiro de 2014

GORDINHA ERA HUMILHADA NA ESCOLA, EMAGRECE E DEIXA, TODO MUNDO BABANDO

É, lembra aquela pessoa gordinha (o) que você zoava quando estava no ensino fundamental? Essa pessoa pode se tornar um exemplo em saúde e mais do que isso, você pode acabar se interessando por ela futuramente.
O bullying é a prática que é mais cometida nas escolas do Brasil, sempre existiu e infelizmente ainda não foi solucionada pelos educadores "profissionais".
A intenção desse nosso artigo, é mostrar para vocês que as pessoas podem mudar isso, elas podem se tornar uma pessoa melhor, podem mudar a aparência, seja emagrecendo ou fazendo plásticas e etc.
Essa garota com certeza é um exemplo de superação, veja abaixo a sua evolução como foi perfeita.
Fonte: nbem.blogspot

Prefeitura de Sapezal abre inscrições para processo seletivo na área da educação



A Prefeitura Municipal, através da Comissão de Seleção de Pessoal da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes de Sapezal, Estado do Mato Grosso, torna público o Edital que estabelece as instruções especiais destinadas à realização de Processo de Seleção, através de PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO, para fins de suprimento de cargos em caráter temporário no Quadro de Pessoal da Secretaria de Educação, Cultura e Esportes, para contratação de 09 (nove) Professores, com habilitação em: Matemática; Pedagogia; Letras; Ciências; Educação física e Informática, 01 Técnico em Educação Infantil, 01 Secretário Escolar, 01 Merendeira, 01 Zelador e 01 Ajudante de Serviços Gerais.

As inscrições serão realizadas do dia 18/02/2014 até o dia 28/02/2014, das 7h às 11h horas e das 13h às 17h, de segunda à sexta-feira, na Secretaria Municipal de Educação, Cultura e Esportes, situada na Av. Surubim, 710 - Centro (antiga Agrofel) no Município de Sapezal - MT.

Nº de Vagas Estimadas
Nº de Vagas PNE
Cargo Público
Vencimento
C. H. Semanal
Escolaridade
01
-
Professor Nível 1, tendo: - Habilitação em Pedagogia
1.343,69
20
Nível Licenciatura Plena
01
-
Professor Nível 1, tendo: - Habilitação em Matemática
1.343,69
20
Nível Licenciatura Plena
01
-
Professor Nível 1, tendo: - Habilitação em Ciências
1.343,69
20
Nível Licenciatura Plena
02
-
Professor Nível 1, tendo: - Habilitação em Letras
1.343,69
20
Nível Licenciatura Plena
01
-
Professor Nível 1, tendo: - Habilitação em Educação Física
1.343,69
20
Nível Licenciatura Plena
03
-
Professor de Informática
1.710,41
40
Técnico em Informática
01
-
Técnico de Desenvolvimento Infantil
1.194,20
40
Ensino Médio
01
-
Secretário Escolar
1.405,13
40
Ensino Médio
01
-
Merendeira
1.010,00
40
Alfabetizado
01
-
Zelador
1.010,00
40
Alfabetizado
01
-
Ajudante de Serviços Gereis
1.010,00
40
Alfabetizado

sábado, 22 de fevereiro de 2014

Éder Moraes confirma que cuidou de caixa 2 no governo Silval e teme por sua vida


Rodrigo Meloni
Da Editoria

Éder Moraes já foi um dos homens mais poderosos do Governo Estadual. Político influente, ascendeu do MT Fomento à Casa Civil e depois administrou, por um curto período de tempo, a extinto Agência da Copa do Mundo (Agecopa).

Atuou também como secretário de Fazenda. Hoje, se vê acuado, interpretando o papel de vítima, e afirma que as informações que possui podem custar sua vida, caso tais informações comprometam políticos importantes que um dia foram seus aliados.

Éder é investigado a quarta fase da Operação Ararath da Polícia Federal (PF). “Estou incomodando muito gente importante com as informações que tenho fornecido a Polícia Federal”, destacou o ex-homem forte do governo Silval Barbosa (PMDB), que começou sua projeção ainda sob a chancela do governador à época, hoje senador Blairo Maggi (PR).

Segundo entrevista que deu a um veículo de comunicação da capital, quando atuou como secretário, labor que durou mais de 12 anos, cuidava do caixa 2 do governo estadual. “Tenho que dizer a verdade e não tenho medo; tudo que fiz foi pautado em decretos e leis”.

Moraes foi categórico em dizer que as informações que possui não comprometem nem Silval nem Blairo, mas que pessoas ligadas ao poder podem se sentir ameaçadas, e que isso faz dele um ‘arquivo vivo’. “Temo pela minha vida pois sei de muita coisa”, finalizou.

Polícia prende quatro acusados pela morte de empresário em Sapezal

Acusado José Gustavo da Silva

O latrocínio que vitimou um empresário e chocou o município de Sapezal (480 km a Noroeste) foi esclarecido pela Polícia Judiciária Civil, durante esta semana, com a prisão de quatro envolvidos no crime. O acusado José Gustavo da Silva, 24, o “Dentinho” e os menores J. F. S. N.,16, D.S.S.N, 16 e T. S. W., 15, são apontados nas investigações como autores do crime.

O crime ocorreu na noite de 09 de janeiro, quando os assaltantes assassinaram o empresário para roubar o seu veículo, uma pick up Fiat Strada. De acordo com testemunhas, os autores do crime estavam em duas motocicletas e após dispararem contra a vítima, fugiram do local, levando o veículo. O empresário, atingido com um tiro de arma de fogo na cabeça, chegou a ser socorrido, mas não resistiu aos ferimentos e morreu.

No dia 12, policiais civis foram acionados de que um veículo estava sendo queimado em um matagal na estrada de Sapezal. Em diligências no local, os investigadores constataram que o veículo era o roubado da vítima e estava sem as rodas e os pneus.

Após investigações e oitiva de algumas testemunhas, a equipe de investigadores da Delegacia de Sapezal conseguiu identificar os envolvidos no latrocínio e no sábado (25) realizou a prisão do suspeito identificado como “Dentinho”. No momento da prisão, o acusado estava com maconha e pasta base de cocaína. Em depoimento à delegada de Sapezal, Cínthia Gomes da Rocha Cupido, o acusado confessou a autoria do latrocínio e disse que disparou a arma após a vítima tentar reagir ao assalto.

Segundo informações levantadas pela equipe de investigadores, Dentinho planejou o roubo da pick up, para pagar a dívida a uma pessoa no município de Campos de Júlio, de quem teria adquirido uma motocicleta Broz 2013.O acusado possui passagens pelos crimes de roubo e tráfico de drogas, nas cidades de Cuiabá, Várzea Grande, Tangará da Serra e Campo Novo do Parecis.


Após a prisão de Dentinho, policiais apreenderam outros três menores envolvidos no crime. Dois deles confessaram estar pilotando as motocicletas e confirmaram a versão de que foi “Dentinho” quem efetuou o disparo contra a vítima. Os pneus e as rodas do veículo do empresário foram apreendidas na casa do irmão do menor D.S.S.N..

quinta-feira, 20 de fevereiro de 2014

Coluna semanal de Dorjival Silva

As eleições estão chegando. Acorda eleitor!

O índice de mortalidade, principalmente nas grandes cidades, está ganhando, disparado, das muitas guerras civis que vemos mundo afora. O número de pessoas assassinadas está ficando assustador e incontrolável. Não temos mais segurança em qualquer hora ou lugar.

Os bandidos, infelizmente, estão vencendo as forças do bem. São eles que mandam agora e ninguém pode, ou não quer, fazer nada. Os políticos e as autoridades não são atingidos, porque não convivem nos meios populares diariamente. Moram em residências seguras, possuem carros blindados e só viajam de avião.

Para eles, pouco importa que as pessoas comuns estejam morrendo nas ruas ou nas estradas, assassinadas ou vítimas de acidentes.  Grande maioria dos políticos só faz aquilo que lhes traga alguma vantagem pessoal, seja financeira ou até mesmo política.

As nossas leis estão ultrapassadas há décadas e necessitam de mudanças urgentes. A impunidade está alimentando a bandidagem. As eleições estão chegando e nós, eleitores, precisamos agir e remover da política grande parte dos atuais políticos.



Joelci Ferrari
O empresário brasnortense Joelci Ferrari foi entrevistado no início deste mês, pelo jornal Correio do Lago, da cidade de Santa Helena (PR). O noticioso abordou aspectos da trajetória política de Ferrari quando atuou naquele município, há 25 anos, como vereador em dois mandatos e foi cotado para ser prefeito. Boa entrevista.

Médica Tereza e dentista Greziéle Passamani

Combate às drogas
Muito importante um trabalho realizado pelo pessoal da saúde de Brasnorte na semana passada. Foram várias palestras dirigidas à população enfocando o perigoso mundo das drogas ilícitas. Eventos como esses precisam ser realizados com mais frequência englobando também a zona rural.

Escola Modelo

Escola Modelo
Com perspectivas de ter suas obras concluídas ainda neste semestre (antes das eleições para dar moeda eleitoral ao pessoal do governo), a Escola Modelo ou Atrativa de Brasnorte, só deverá passar a atender à sua finalidade em 2015. Depois dizem que o atendimento ao povo é prioridade. Mentira.

Alexandra Lima

Vereadora Alexandra
A vereadora Alexandra Lima visitou o escritório do jornal Gazeta do Noroeste. Em conversa informal com este diretor, a parlamentar abordou assuntos diversos relacionados à política local e informou que agora também está tendo uma residência na cidade. Sua residência oficial, porém, continua sendo na Comunidade Rural São Bento, próxima à grande maioria de seu eleitorado.

Distrito Água da Prata

Água da Prata
Há no silêncio uma considerável vontade dos moradores do Distrito de Água da Prata, em Brasnorte, de ter o servidor público conhecido por “Batistão”, como candidato a vice-prefeito nas próximas eleições municipais. Como já disse outrora, Batistão tem nome, prestígio e muitos serviços prestados por meio de sua família à essa comunidade. 


Samuel Alves

Samuel Alves
O advogado Samuel Alves que militou por quase dois anos em Brasnorte, fechou seu escritório, dispôs à venda seus bens, e se mudou com a família neste mês para Santa Cruz de La Sierra, Bolívia. No país vizinho se tornou juntamente com sua esposa, estudantes do curso de Medicina. Em seu tempo extra escolar está atuando no ramo de restaurantes. Boa sorte!

Silval Barbosa
Pedágio na MT-170
Não duvidaria nada da possibilidade da MT-170, que passa em Brasnorte, ser “vendida” também por Silval Barbosa (PMDB) caso demorasse mais uns seis meses após o fim de seu governo. Ele alega que o estado não dispõe de condições financeiras para manter em boas condições as suas rodovias. Será mesmo que um estado tão rico quanto o nosso não tem competência para pelo menos cuidar de suas rodovias? Seria necessário o pedágio para todas elas?

Brasnorte
Ficha Limpa em Brasnorte
No próximo 19 de março, a Lei Municipal 1.547/2013 que institui a chamada Ficha Limpa no município de Brasnorte, completa 6 meses de sancionada pelo prefeito Tarcísio Aguiar. O autor da Lei, vereador Roberto Preto disse à coluna que ainda não sabe se algum servidor da administração municipal esteja enquadrado nela. Mas, deixou claro que se algum cidadão sabe de algo que comprometa a algum servidor em relação à Lei, terá todo direito de denunciar aos órgãos competentes para que as medidas cabíveis sejam adotadas.  

terça-feira, 18 de fevereiro de 2014

PM de Sapezal prende casal acusado de furtar mercado em Campos de Júlio

Eduardo Alves Guimarães

A Policia Militar de Sapezal efetuou por volta das 08 horas, desta segunda-feira(17), a prisão de Eduardo Alves Guimarães, acusado de ter cometido um furto em um Super Mercado na cidade de Campos de Julio.

O furto foi cometido por Eduardo e sua companheira que já havia sido presa no domingo(16), a companheira de Eduardo também foi presa no município de Sapezal. Com o casal, a policia apreendeu cerca de mil e quinhentos reais, tendo o casal assumido a autoria do furto no Super Mercado.

Conforme informações repassadas pela Policia Militar de Campos de Julio, o furto foi cometido enquanto alguns funcionários realizavam uma manutenção no referido mercado, o casal aproveitou-se para entrar no mercado e cometer o furto. Logo após cometer o furto, o casal fugiu da cidade de Campos de Julio em direção a Sapezal, sendo o casal localizado em um Hotel, no centro de Sapezal. Sapezal Notícias

segunda-feira, 17 de fevereiro de 2014

Colheita de soja chega a 36% em Mato Grosso e está quase 10% adiantada

Colheita de soja chega a 36% em Mato Grosso e está quase 10% adiantada
 A colheita da safra de soja em Mato Grosso evoluiu cerca de 15 pontos porcentuais esta semana, saltando de 21.7% de área ceifada até o dia 6 de fevereiro, para 36.4% nesta quinta-feira, dia 13. Os dados foram divulgados nesta sexta-feira, pelo Instituto Mato-grossense de Economia Agropecuária (Imea).
 

Conforme o acompanhamento de colheita, a região do Estado onde as colheitadeiras mais avançaram até o momento é a Oeste, com cobertura de 47.8%. O município de Sapezal lidera os trabalhos naquela região, com 56%. Em Campos de Júlio foram 49% e, em Campo Novo dos Parecis, 39%.


A segunda região com maior índice colhido é a Médio-Norte, com 42.7%, sob a liderança de Lucas do Rio Verde (57%), que ultrapassou o porcentual ceifado por Sapezal. Na sequencia estão Sorriso (50%), Vera e Santa Rita do Trivelato (47%), Tapurah (45%), Nova Mutum (44%), Nova Ubiratã e Ipiranga do Norte (40%).


No Sudeste mato-grossense o índice de ceifa da oleaginosa é de 37.1%, liderado por Campo Verde (48%), Primavera do Leste (37%), Jaciara e Santo Antônio do Leste (34%) e, Alto Garças (33%). Já o Centro-Sul do Estado retirou 32.9% dos grãos da lavoura.


Em relação à safra anterior, a colheita está 9.6% adiantada, já que, em 14 de fevereiro de 2013, o índice era de apenas 26.8%. Ainda de acordo com o Imea, a estimativa de produtividade média encontrada até o momento nas lavouras gira em torno de 54.2 sacas de 60 quilos por hectare.

sábado, 15 de fevereiro de 2014

Estudantes mentiram sobre assédio sexual sofrido em Sapezal


Texto da Assessoria de Imprensa da Prefeitura

O fato ocorrido no dia 11, quando segundo informações divulgadas na imprensa local, dois alunos da Escola Municipal Antonio Clarismundo Scheffer Bloco II haviam sido vítimas de tentativa de assédio sexual em um bairro da cidade. 

Um fato chamou a atenção da Assessoria de Imprensa da Prefeitura Municipal, é que os menores alegaram morar na zona rural, e que o ônibus que faz o transporte dos alunos havia atrasado e devido o atraso, a professora não lhes permitiu o acesso à sala de aula, razão pela qual os menores foram procurar uma pessoa conhecida da família e que ali tinham a intenção de permanecer até o final da aula, ficamos então a imaginar se os alunos são transportados pela rede municipal de ensino, então não seriam apenas os dois que teriam atrasado, e sim aproximadamente 30 alunos, como, pois não fora permitido a entrada de apenas os dois na sala de aula?

Com esta dúvida, procuramos o Diretor da referida escola, pois achamos estranho o argumento usado pelos menores, Alessandro Lima diretor do Bloco II, nos informou que soube do fato, quando foi procurado pelos pais dos menores, que foram acompanhados destes, então convidou a coordenadora e a orientadora que frente a frente: pais, diretor, orientadora, coordenadora e alunos, foi feita uma acareação, ai os alunos admitiram que faltaram com verdade, pois não houve atraso do transporte escolar, e que ao desembarcar em frente a escola não adentraram a mesma e sim que saíram em direção ao bar localizado no bairro Popular, onde o fato supostamente teria ocorrido.

Tudo resolvido e esclarecido, foi lavrada uma ata,para comprovar a veracidade do fato, que após lida, foi devidamente assinada pelos pais, Diretor e demais participantes da reunião. O Diretor afirmou naquele momento aos pais, e posteriormente a imprensa da prefeitura, que a entrada de todos os alunos é pelo bloco I, e que, quando ocorre o atraso de algum aluno e não lhe é autorizada a entrada em sala de aula, este permanece no pátio interno, não sendo permitida de forma alguma a saída do recinto escolar durante o período de aula.


Vale ressaltar,  que o Diretor do Bloco II Alessandro Lima de Oliveira é conhecedor do Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA, uma vez que atuou até o ano passado como Conselheiro Tutelar e jamais permitiria que seus alunos fiquem na rua no período escolar, pois é sabedor de todos os problemas que podem ocorrer,  foi o que nos afirmou.
 
 
Blogger Templates